criando oportunidade
comunicação design Graphic Design Identidade Visual inovação internet marcas marketing

Crie a oportunidade em sua empresa com a Defoco

8Em um momento tão difícil para a economia do Brasil, a gestão de negócios se tornou ainda mais essencial para o sucesso de um produto ou serviço. Por isso, é necessário que sejam analisados vários pontos.
Criar uma oportunidade, no entanto, não é algo tão simples. Requer muito estudo de caso, planejamento, desenvolvimento e execução para atingir o objetivo principal. Manter a qualidade dos seus produtos ou serviços é essencial para conseguir atrair novos clientes neste período de baixo consumo no mercado, além de ações que visem fidelizar os consumidores que já conhecem e confiam na sua reputação. Apostar em um parceiro que tenha know-how especializado para ajudar a desenvolver a oportunidade é uma grande chance de fazer o negócio andar e vingar com sucesso.

Oportunidade com Defoco
A Defoco, agência de design, está pronta para ser o parceiro que a sua empresa precisa. Com foco nos resultados, buscamos, por meio de um trabalho intenso de design, construir uma estratégia, um planejamento e, dessa maneira, criar projetos e oportunidades de negócios que vão elevar e destacar a marca da sua empresa junto ao consumidor! 😀

Alisena
Um estudo de caso de sucesso que desenvolvemos é a Linha Alisena, da Muriel. A empresa de design foi a responsável pela criação de toda a imagem do produto, desde o início do processo. Nome, identidade visual, material para peças gráficas e divulgação online/offline, tudo isso feito por meio da nossa grande equipe de profissionais qualificados.
A nova linha da Nova Muriel atua com a função de manter os cabelos lisos e sem frizz. A linha Alisena é composta de shampoo, máscara de tratamento, condicionador e finalizador, e chegou ao mercado para substituir produtos as famosas “misturinhas” caseiras.
Com os produtos da Alisena, a consumidora deixa os seus cabelos lindos e naturais. Acaba com os cabelos com pontas duplas e frizz, deixando-os lisos e com vida! São quatro produtos com preço acessível aos consumidores, que dispõem de qualidade na sua fórmula e garantem ótimos resultados para os cabelos femininos.
Todo trabalho feito em parceria com a Defoco permitiu que a nova linha Alisena, da Nova Muriel, atingisse um grande público. A força da marca, construída com um planejamento muito grande, é importante para que ela se mantenha sempre entre as opções de produtos mais procurados para este tipo de mercado e consumidor.
Faça como a nova linha Alisena, da Nova Muriel, e não deixe de conhecer mais sobre o nosso trabalho por meio do nosso site oficial.
Fique à vontade para entrar em contato com a nossa equipe e agendar uma visita para que possamos traçar o melhor planejamento criativo para a sua empresa e seus objetivos. Acesse www.defoco.com.br.

como acertar com o marketing digital?
comunicação inovação internet marcas marketing mídias sociais Sem categoria

Marketing Digital não está funcionando para minha empresa: e agora?

Hoje em dia, se você não tem um bom planejamento de Marketing Digital, você não consegue se destacar dentre os concorrentes. Mas será que sua estratégia está realmente te ajudando? 
Com tantos meios de conseguir leads, divulgações, clientes e seguidores, podemos acabar trabalhando errado com esses públicos e não trazer nenhum resultado positivo para nossa empresa. Mesmo que o investimento esteja sendo feito para essas ferramentas. Duvida? 
Para que tenha sucesso com o Marketing Digital, devemos prestar bastante atenção no que estamos divulgando e fazer uma análise completa para não gastar dinheiro e tempo em meios que não nos dão retorno. 

PRESENÇA 
Você deve se perguntar se sua empresa está presente no meio digital. Quanto mais informações sobre você na internet, melhor! 
1. Esteja presente nas redes sociais; 
2. Não deixe de ter um blog com bastante conteúdo;
3. Tenha um site moderno e que deixe claro quais são seus serviços/produtos; 
4. Divulgue seus contatos como e-mail, telefone e endereço. (Pois isso passa ainda mais credibilidade para seu seguidor).

LEADS
Preocupe-se sempre com os leads, pois eles podem ser seus futuros clientes e seguidores fiéis. Por isso, sua empresa precisa de atrativos para que as pessoas fiquem interessadas em te seguir e, consequentemente, comprar seus serviços/produtos. 
1. Crie landing pages com ofertas;
2. Analise as taxas de conversão das mesmas. Está valendo a pena? ;
3. Envie e-mails marketing para os leads que se cadastraram (mas tome cuidado para não exagerar, pois pode irritar o usuário e faze-lo cancelar o recebimento de suas ofertas); 
4. Ferramentas poderosas como mídias pagas (Google Adwords, Facebook Ads, banners calls-to-action) estão sendo analisadas e trabalhadas para melhor resultado?

RELACIONAMENTO
Na era das redes sociais, relacionamento entre clientes e empresas está cada vez mais presente, quebrando a imagem de “corporação” e trazendo mais humanização entre o profissional e o pessoal. 
1. Em suas redes sociais, responda seus seguidores de uma forma profissional, mas sem perder o lado emocional e humano;
2. Os seguidores querem ser AMIGOS das empresas e esperam reciprocidade. Que tal quebrar um pouco o gelo e acatar a essa onda divertida que a internet nos oferece? Sem perder o profissionalismo;
3. Ouça os feedbacks de seus seguidores e pratique-os! Se seus fãs estão te dando um toque, não fique frustrado, muito menos ignore. Encontre uma solução que melhore para os dois lados! 
E claro, siga os números e analise os resultados de todas essas ferramentas. Trace um planejamento adequado para suas necessidades no momento e sempre preste atenção nos dados e relatórios para que consiga trabalhar em melhorias e sustentar o que já está fazendo sucesso. 
Nós da Defoco estamos aqui prontos para te ajudar nesta jornada tão envolvente que é trabalhar com o Marketing Digital! E com nossos profissionais funcionais, especializados será um resultado positivo garantido.
Acesse nosso site e saiba mais sobre nossos serviços: www.defoco.com.br

5-motivos-para-nao-ter-redes-sociais
comunicação dia a dia internet marketing mídias sociais

5 motivos para sua empresa NÃO ter redes sociais

Hoje em dia, a humanidade foi tomada pela onda das redes sociais, não só para relacionamento pessoal, mas também para empresas!

Mas nós estamos aqui para mostrar 5 motivos para sua empresa NÃO ter redes sociais e continuar fora de toda essa virtualização. Vamos lá?
LOJA ONLINE
O comércio virtual de produtos e serviços no Brasil fez tanto sucesso que nosso país é o 3º lugar onde mais se faz compras pela internet! Além disso, ter uma loja online requer um investimento bem menor do que de uma loja física. E tem mais! Seus produtos ficam a mostra 24 horas por dia para os clientes comprarem a hora que quiser! Sabendo dessas informações, é melhor mesmo que não tenha loja virtual, pois sua empresa pode acabar recebendo muitos pedidos e solicitações de serviços em um pequeno período!
ANÁLISE DA CONCORRÊNCIA
Vários aplicativos e até mesmo o facebook disponibiliza relatórios de suas publicações e consegue comparar com seus concorrentes para que tenha o parâmetro de qual conteúdo está mais interessante e engajado, onde deve acertar para atingir o público alvo, etc, porém, não tendo redes sociais, os seus concorrentes nem ao menos sabem o que você está fazendo, vendendo ou divulgando!
PRATICIDADE
A internet tem o poder de aproximar pessoas, fãs de celebridades, profissionais de oportunidades e clientes de empresas! As redes sociais facilitam com que seus clientes achem sua empresa e saiba mais sobre você e seus produtos! Até mesmo conversas instantâneas sobre alguma dúvida pode ser tirada em instantes. Mas, isso tudo é muito trabalhoso e demanda tempo demais! Ou seja, não é recomendado.
MODERNIDADE
Tendo redes sociais, você fica muito mais antenado e por dentro do que está acontecendo no mundo todo! Pois todos os usuários estão conectados em diversas regiões diferentes, compartilhando acontecimentos e conteúdo de última hora. Mas, no momento, é melhor que você fique atento apenas aos acontecimentos de sua empresa e não invista tempo para pensar nos concorrentes ou cases de sucesso por aí!
INVESTIMENTO
Investir em redes sociais com estratégia e consciência está sendo um turbo a mais para qualquer comércio hoje em dia! Pois a grande maioria dos brasileiros consomem MUITO tempo de seu dia apenas conectados no Facebook!

Investir nas redes sociais, significa impulsionar seus produtos/serviços para além de seu ciclo de clientes. É explorar novos públicos e regiões.Por isso, o recomendado é que não invista, pois é um gasto a mais para sua empresa!

 

Mostramos somente 5 motivos, porém existem muitos outros que mostram o quanto você deve ficar AFASTADO das redes sociais! (Só que não, rs).

É claro que nós da Defoco, apoiamos e muito a ideia de digitalização e principalmente divulgação em redes sociais! Todos sabemos que essas novas ferramentas online, com estratégia e muito planejamento, conseguem rapidamente resultados muito positivos para sua empresa!

 

Então não pense duas vezes e entre em contato com a Defoco! Nós iremos preparar uma estratégia perfeita para sua necessidade! Acesse: www.defoco.com.br

comunicação design marketing Sem categoria

Plano de Marketing: Por que é importante?

Para criar um plano de marketing, é preciso planejar os objetivos, ações e orçamentos, além de colocar metas e incluir quais são os resultados esperados.

O documento é importante para pequenas e grandes empresas, pois permite uma comunicação clara entre todos os membros da equipe além de fornecer dados para acompanhar o sucesso de cada campanha publicitária.

Os dados analisados podem variar de acordo com o mercado, foco da empresa e demais detalhes de cada marca. Independente do formato escolhido é fundamental estruturar ideias e ações para poder transformar sonhos em realidade. Para garantir o sucesso do plano de marketing, a Defoco conta com profissionais experientes na área, que auxiliam empresas de diversos segmentos a obter os melhores resultados.
Pilares da divulgação
O primeiro passo é conhecer o público alvo. Uma boa campanha de divulgação considera as preferências dos potenciais clientes para gerar um conteúdo atrativo e voltado aos interesses do consumidor.

Em seguida, é hora de programar as ações. Objetivos, metas financeiras e estratégias são definidos logo no começo, no entanto, esses dados são flexíveis e podem ser alterados ao longo do caminho se isso se mostrar necessário. Analisar a concorrência ajuda a definir esses fatores.

O último passo consiste em controlar a analisar. O controle da campanha é uma chance de aprender com os pontos fortes e fracos e analisar as melhores estratégias para as próximas ações de divulgação.
Vantagens de contratar a Defoco
A internet está repleta de informações sobre plano de marketing e até mesmo dicas de como fazer isso por conta própria. No entanto, é importante lembrar que o marketing é uma peça fundamental para o sucesso de uma empresa e seria um grande risco colocar essa função nas mãos de pessoas despreparadas.

Existem profissionais que se dedicam apenas à divulgação, acumulando conhecimento e experiência ao longo dos anos. Além disso, ao contratar uma agência completa como a Defoco, é possível contar com os melhores profissionais em vídeo, fotografia, web, B2B e até mesmo para o desenvolvimento de embalagens.

A agência estabelece metas claras e pensadas de acordo com as preferências do público alvo da marca.

O plano é levar o visitante a se tornar um cliente fiel que desenvolve uma relação com a empresa e passa a ser um divulgador, indicando os produtos para amigos e familiares.

Além disso, criar um plano para cada campanha de divulgação gera economia. Isso acontece, pois um plano estruturado é capaz de atingir as pessoas certas, alcançando melhores resultados sem aumentar o orçamento. Os objetivos seguem um passo a passo seguro, sempre acompanhado por profissionais experientes.

Os dados de cada campanha podem ser mensurados para avaliar os pontos fortes e fracos e planejar os próximos passos com segurança. Os indicadores de performance mostram o desempenho e a evolução de cada estratégia utilizada.

A Defoco conta com uma equipe preparada para estudar a melhor forma gerar satisfação para todos os membros da empresa e para os clientes. O controle de cada trabalho pode ser feito de forma online através de um sistema que integra agência e cliente.

comunicação eventos marcas Sem categoria

Organização de um evento: atenção aos mínimos detalhes!

Toda marca quer ganhar visibilidade, exposição e reconhecimento perante os seus seguidores e consumidores. No entanto, a valorização de uma marca não é algo que acontece de um dia para o outro, é preciso trabalho árduo e focado em conseguir alavancar os conceitos, a visão e os valores da marca. Hoje em dia, o público consumidor está mais atento às marcas e aos seus produtos ou serviços, optando por aquelas que mostrem muito mais do que apenas a intenção de comercialização.

Uma boa maneira de levantar a sua marca e ganhar uma boa visibilidade é promovendo um evento. No entanto, realizar um evento para o mercado e a mídia especializada não é tão simples assim. É preciso saber exatamente o que você quer mostrar de qualidade positiva da sua marca, como mostrar e, o mais importante, para quem essa ação irá ser direcionada. Respondendo a todos estes pontos, o seu evento com certeza irá atingir um número muito maior e, principalmente, com uma eficácia mais assertiva.

Para realizar um evento de sucesso, é importante que a empresa conte com uma agência de comunicação especializada neste tipo de ação. A Defoco é uma agência preparada para criar o seu evento e fazer dele algo grandioso, com uma grande exposição no mercado em que você atua e na mídia especializada do setor. O maior segredo para um evento deste porte é prestar atenção nos mínimos detalhes. A Defoco se compromete a atuar nas três fases do seu evento – pré, durante e pós a ação -, dando o suporte necessário para que tudo saia conforme o planejamento.

Vamos às fases:

Pré evento
Aqui é importante saber qual é o objetivo do seu evento. Para quem você quer divulgar a sua marca, como ela deve ser exposta, qual deve ser a comunicação utilizada durante este processo, entre tantas outras questões. Além disso, a Defoco trata de fazer uma lista com todos os agentes importantes para a sua marca e que devem receber o convite para o seu evento. Mídia, parceiros, fornecedores, clientes, potenciais clientes são algumas das pessoas e profissionais que podem comparecer ao evento. A agência também é responsável, durante esta fase de pré-produção do evento, de reservar o lugar, ver o formato da apresentação para adequar o salão e todas as demais questões administrativas necessárias para a realização de um evento.

Durante
Nesta fase, o papel da agência é se certificar que tudo está saindo como o planejado. A Defoco estará presente no evento, dando todo o suporte que é preciso no dia da ação e em prontidão caso ocorra algo que não estava planejado. Durante o evento, é importante verificar sempre se a marca está tendo uma boa recepção e se está sendo vista de maneira adequada pelos convidados.

Pós-evento
Esta parte é destinada aos feedbacks e às críticas. O trabalho da agência nesta fase é saber quais são os resultados da exposição da marca perante os agentes do mercado e da mídia especializada. Certificar-se de que todos receberão a mensagem da forma como deveria ser transmitida. Desta forma, a cada evento, o seu sucesso será ainda maior.

Para mais informações sobre o planejamento da sua empresa, não deixe de entrar em contato com a Defoco – www.defoco.com.br . Estamos prontos para atendê-lo!

comunicação gestão estratégica inovação marketing Sem categoria

4 Ps E 4 Cs DO MARKETING

De tempos em tempos, surgem novas estratégias e tendências de marketing que as empresas adotam com o objetivo de melhorar os seus resultados. Mas é crucial nunca se esquecer das raízes e do que, de fato, significa o marketing, porque ele é tão importante. Dentro desse contexto, a proposta de hoje é retomar o conceito do mix de marketing (também conhecido como 4 Ps). Além disso, vamos falar também sobre os 4 Cs, uma ideia mais recente, mas igualmente importante!
Relembrando os 4Ps
Composto, mix ou 4 Ps de marketing, todas essas nomenclaturas se referem à mesma coisa: uma ferramenta que foi proposta nos anos 60, por Jerome McCarthy, para sistematizar o marketing e deixar claro que ele não se limita ao produto ou à promoção, sofrendo interferência de outras áreas.
E os 4 Ps não morreram! Eles devem continuar servindo de base para o planejamento de qualquer estratégia. São os seguintes:
• Produto: pode ser também o serviço, basicamente, é aquilo que a empresa está vendendo para o cliente. Aqui entra a qualidade, funcionalidade, variedade e diferenciais;
• Preço: faz parte do marketing estabelecer o preço pelo qual o produto será vendido. Está dentro da faixa de mercado? É mais caro ou mais barato do que o da concorrência? Se for mais caro, por qual motivo? A margem de lucro é satisfatória? As famosas liquidações fazem parte desse aspecto;
• Praça: é a distribuição, toda a logística de como esse produto vai ser colocado no mercado de modo que fique acessível para os clientes. Hoje em dia, um conceito muito importante que pertence a esse pilar é o e-commerce;
• Promoção: não é promoção no sentido de baixar o preço, mas de promover o produto ou serviço. Divulgação nos meios de comunicação tradicional, internet, presença nas redes sociais, produção de vídeos e outras estratégias de comunicação.
Embora sejam atemporais, alguns profissionais começaram a criticar o composto de marketing, alegando que ele não reflete o mercado atual, por ser pouco focado no consumidor e muito na empresa em si. E foi assim que surgiram os 4 Cs!
4 Cs de marketing?
O conjunto dos 4 Cs é como se fosse a perspectiva do cliente sobre os 4 Ps! É uma visão moderna do mix de marketing que muitas empresas têm adotado.
• Customer needs and wants – desejos e necessidades do cliente corresponde ao produto;
• Cost to the user – custo que o cliente vai ter corresponde ao preço;
• Convenience – conveniência, onde o comprador vai encontrar aquele produto, corresponde à praça;
• Communication – as formas mais eficientes de se comunicar com o cliente, colocando-se no lugar dele: corresponde à promoção.
Esses 4 Cs estão ajudando os profissionais de marketing a olharem para o mesmo composto, mas se colocando como clientes. Por isso, é uma visão mais moderna e condizente com a alta concorrência do mercado atual, que exige mais atenção para com o comprador.
Seja com o nome de Promoção ou Communication, lembre-se que a Defoco desenvolve sites que levam a sua empresa diretamente ao público mais selecionado e com potencial de virar comprador.

comunicação gestão estratégica inovação marketing Sem categoria tendências

Tudo sobre Storytelling

Não há dúvidas de que as estratégias de marketing têm evoluído muito nos últimos anos. Atualmente, os empreendedores sabem que, para atrair e fidelizar um cliente, é necessário fazer mais do que apenas oferecer um preço mais baixo do que a concorrência. Um recurso que tem sido muito utilizado pelo mundo e que está conquistando espaço no Brasil é o Storytelling.

Conceito e aplicação do Storytelling no marketing

A palavra Storytelling tem origem inglesa e significa contar histórias, especialmente, histórias que sejam relevantes. Os recursos são ilimitados: quem vai contar essa história pode se utilizar de palavras, gestos, figuras, imagens em movimento e qualquer outra ferramenta que considerar cabível. Embora esteja sendo utilizado atualmente, o Storytelling tem origens que se confundem com as da própria humanidade, uma vez que o homem primitivo já contava as histórias das suas caçadas com gestos, grunhidos e pinturas rupestres.

No marketing, substituir um anúncio convencional por uma história, que tenha um enredo, é uma ideia muito interessante para causar o engajamento do público. Imagine o seguinte: para anunciar um novo produto que entrará na linha da empresa, o departamento de marketing produz um vídeo contando uma história, com personagens e um final surpreendente ou engraçado, envolvendo o produto em tudo isso de uma forma estratégica e sutil. As chances de as pessoas compartilharem esse vídeo são enormes! Além de aumentar a divulgação, isso faz com que o público compre a ideia.

A eficiência do Storytelling é comprovada cientificamente: na Universidade de Washington, pesquisadores descobriram que na medida em que um indivíduo vai lendo ou vendo uma história, são ativadas áreas do cérebro relacionadas ao enredo. Isso prende a atenção e faz com que a capacidade de memorização fique mais intensa, além da criação do vínculo emocional, dependendo do teor da história.

Como construir Storytelling

Não existe segredo: ao invés de anunciar, conte histórias! Mas para conseguir um bom resultado, é claro que algumas dicas vão ajudar:

• Se optar pelo formato de vídeo, não exagere no tamanho. Levantamentos já mostraram que um internauta não fica mais de três minutos assistindo a um vídeo sem se distrair com outra coisa. Procure não ultrapassar esse limite;

• Comece a planejar respondendo perguntas básicas: o que eu quero contar? Para quem? Por quê? Como eu quero me comunicar?

• A estrutura de jornada do herói pode ser interessante: um personagem com o qual o público se identifique, que tenha um ponto de partida, passe por dificuldades e consiga a redenção no final;

• Envolva os clientes: peça para eles contarem suas experiências com um produto ou enviarem fotos e utilize isso na construção da história. O engajamento será ainda maior!

• Procure colocar começo, meio e fim e evite enredos elaborados e complexos, que exijam uma grande capacidade de interpretação.

Se você quiser fazer o seu Storytelling em formato de vídeo, procure a Defoco. Trabalhamos com a produção de vídeos institucionais e comerciais, sempre com foco e compromisso com os resultados!

comunicação gestão estratégica marketing Sem categoria tendências

Cold call ainda funciona no marketing?

A personalização é cada vez mais essencial para as empresas na missão de conquistar e fidelizar clientes. A técnica de cold call é utilizada justamente com esse intuito e, embora não seja exatamente uma novidade, continua sendo muito válida nos planejamentos de marketing.
O que é cold call?
Em tradução livre, essa expressão da língua inglesa significa “ligação fria”. Basicamente, consiste em ligar para um cliente em potencial apresentando a empresa, sua proposta, produtos e serviços. O intuito dessa prática é prospectar e gerar leads, portanto, o contato é feito com pessoas que não conhecem a empresa, pelo menos não em profundidade.
Muitos confundem o cold call com o telemarketing, no entanto, trata-se de duas estratégias bem diferentes: enquanto o cold call pretende construir um relacionamento com aquele cliente em potencial, para que as vendas aconteçam em médio e longo prazo, o telemarketing tem como foco vender no momento da ligação. Além disso, no telemarketing existe a intenção de executar o maior número de ligações no menor tempo possível e não há grandes preocupações com a personalização do atendimento, como acontece no cold call.
O cold call é uma estratégia viável especialmente para empresas que estão dando início às suas atividades. Além de investir em uma divulgação massiva nos meios de comunicação, tentar uma aproximação mais direta e pessoal com o público pode funcionar.
Como executar um cold call eficiente?
Embora o cold call possa ser considerado uma tendência, é inegável que se ele não for bem executado, a empresa terá investido tempo e dinheiro em uma estratégia que não irá trazer resultados. Isso, infelizmente, acontece bastante.
Algumas medidas que devem ser levadas em consideração no planejamento desse tipo de ação são as seguintes:
• Conhecimento do negócio: os colaboradores da área de cold call devem receber um bom treinamento para que conheçam profundamente a empresa, seus produtos e serviços e saibam tirar as eventuais dúvidas dos interlocutores;
• Conhecimento do público: é imprescindível determinar, com a maior exatidão possível, qual é o público que se pretende atingir e buscar essas pessoas para entrar em contato;
• Objetivo determinado: a ideia é apresentar a empresa, um novo produto, um serviço diferente? A ligação deve ser orientada por um objetivo muito claro;
• Foco no diálogo: uma das características que diferenciam o cold call do telemarketing é o fato de que aquele não tem roteiro. A ideia é que haja uma conversa entre a empresa e o receptor da ligação, e não a transmissão de uma mensagem pronta e decorada;
• Encontro pessoal: se possível e necessário, tente marcar encontros pessoais com aqueles que demonstram interesse pelo conteúdo da ligação. É uma forma de demonstrar que a empresa valoriza seus clientes.
A Defoco é uma empresa que presta serviços diversos na área de marketing. Um deles é a criação de identidade visual, fundamental para as empresas que estão surgindo ou para as que buscam um reposicionamento no mercado. Aliar uma estratégia como o cold call a uma identidade visual marcante, é uma excelente alternativa para a conquista de novos clientes.

comunicação design dia a dia internet marketing mídias sociais Sem categoria

Crescimento das Redes Sociais no mundo dos negócios

Redes Sociais: o braço direito do mundo dos negócios
O principal alicerce das empresas com o público. O principal contato com as pessoas. A forma de aproximação empresa-público que os estudos mais recentes da comunicação publicitária tanto batem na tecla; o contato, a intimidade. Trazer a humanidade às empresas, mudar a visão fria de uma grande empresa não ter coração, de demonstrar que alguém está ali por trás fazendo a comunicação entre a empresa e o público. É importante, é necessário. E as redes sociais trouxeram essa possibilidade. Uma vertigem que a televisão, o rádio ou os jornais não puderam proporcionar. As redes sociais, por isso, são diferentes.
E por essa diferença que alavancou o que tange a utilização de mídias sociais para propagar a empresa. É um contato mais prático, mais viral e muito mais rápido. Com as mídias sociais, em uma hora, é possível a propagação de 10, 15, 20 mensagens de publicidade da empresa. Na televisão era uma hora marcada, assim como rádio, e nos jornais e revista, poucas vezes a mensagem era vista mais de uma vez pela mesma pessoa. Já nas redes sociais, por exemplo, um vídeo pode ser repetido, repassado e reassistido dependendo do seu teor e mensagem contidos.
As redes sociais de destaque no mundo dos negócios
Mas o que faz essas as melhores opções para os empresários? Por que utilizá-las? Por que são ótimas opções? Neste subtítulo: quais as redes sociais e suas funções? Confira:
Twitter: dinâmico, rápido e inclusivo. O twitter é tido como uma rede social a parte. Com um grupo seleto que opta pelas piadas e a descontração. No twitter, uma mensagem pode chegar muito mais rápido ao outro lado do mundo, do que propriamente o Facebook, por exemplo. O twitter é uma ótima opção para mensagens rápidas em tons de brincadeira, imagens montagens e participação ativa nas movimentações da rede social (como um evento em evidência que esteja sendo muito comentado).
Facebook: o faz-tudo das redes sociais. Textão, textinho, vídeo, imagem, gif e tudo o que for possível. O Facebook não precisa de apresentação, precisa ser utilizado, abusado e constantemente divulgado.
Snapchat: trazer o dia a dia da empresa, trazer a vida diária da empresa. Enfim, trazer o consumidor para a empresa. É muito importante saber como a ferramenta pode ser importante para fazer promoções, pequenas propagandas e uma interação com o público.
Instagram: imagem, imagem e imagem. O instagram é um ótimo recurso para divulgar, afinal, atinge um público como o twitter, e tem recursos quase como um snapchat ou um facebook. É rápido, dinâmico e excelente para divulgação de fotos e promoções.
Importância de ter um social media por traz
É sempre importante ter alguém especializado no que tange as mídias sociais. Os social-media são especialistas em conteúdos de rede sociais e, ter uma equipe adequada, alavancará, com certeza, sua empresa para uma escala ainda maior.
E uma empresa preparada para dar o suporte necessário a empresa é a Defoco, especializada no design digital e manutenção de redes sociais, pode dar o suporte total a empresa que deseja decolar na publicidade. Uma boa publicidade na web pode transformar sua pequena empresa, numa grande empresa. Afinal, o público está na internet.